O Rio Open apresentado pela Claro, que acontece até 24 de fevereiro, no Jockey Club Brasileiro, promove uma campanha durante todo o evento para ajudar a comunidade da Rocinha, que foi fortemente atingida pelas chuvas da última semana, deixando mais de 40 casas interditadas e vários pontos de deslizamentos. O torneio, em parceria com a Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem, criou o #pontoprarocinha, uma campanha para arrecadar donativos para ajudar a comunidade. Os produtos serão arrecadados na entrada do evento, em uma caixa destinada para as doações. “Já estamos recebendo várias doações para nossa comunidade e qualquer doação é bem-vinda. Mas, como recebemos muitos produtos para adulto, estamos priorizando itens para crianças, roupas, roupas de cama, fraldas, leite em pó, alimentos não perecíveis”, afirma Maria Edileusa Braga, coordenadora da pastoral social da paróquia, antiga Fundação Leão 13. Com ingressos à venda no site tudus.com.br/rioopen, com valores a partir de R$30, o Rio Open tem a expectativa de receber 50 mil pessoas durante os jogos e a programação ao longo do evento.
 1
Em sua sexta edição, o Rio Open cresce em conteúdo, interatividade, entretenimento e tecnologia, valorizando cada vez mais o serviço olímpico denominado Sport Presentation. Seguindo o conceito de Fan Experience, Sport Presentation transforma o evento em uma experiência única e inesquecível. Informar, educar, entreter e engajar o público, os atletas e os patrocinadores por meio de ações criadas dentro de um estudo demográfico dos espectadores, do Rio de Janeiro e do tênis. Em 2019, com o objetivo de inovar no entretenimento e na tecnologia, a IMM em parceria com a SP2 Brazil, traz ações para aproximar cada vez mais o público do evento, fazendo com que cada espectador se sinta uma parte ativa do torneio. As inovações começam na Praça Rio Open, onde tecnologias desenvolvidas em exclusividade para o Rio Open trarão interatividade entre espectadores e máquina. Aplicativos, jogos, câmeras remotas e outras inovações estabelecerão uma comunicação direta entre os participantes, os espectadores do torneio e o próprio telão. Este será uma das estrelas desta edição; ele ganhará vida própria e se comunicará com quem estiver passando na Praça, conversando e projetando ao vivo a dinâmica das ações. As maiores inovações serão o MATCH POINT, um jogo interativo que transforma o torcedor em atleta finalista do Rio Open; o CHALLENGE OPEN, um desafio que contará com a participação do telão externo e poderá dar prêmios incríveis para torcedores corajosos; e o TORCIDÔMETRO, que medirá a torcida de cada tenista, a partir das quartas de final. Já na quadra Guga Kuerten, os atletas e a torcida serão responsáveis por abrilhantar ainda mais o espetáculo. Torcedores participarão ativamente no telão da quadra com inúmeras ações de entretenimento, enquanto atletas participarão em conteúdos

Continue Reading

 3
Rogério Dutra Silva venceu o italiano Matteo Donati, neste sábado, por 2 sets a 1, com parciais de 6/2, 3/6 e 6/1, e está a uma vitória de entrar na chave principal do Rio Open apresentado pela Claro. O adversário deste domingo, com rodada começando às 16h, com entrada gratuita, será o argentino Juan Ignacio Londero. Rogerinho foi o único brasileiro que avançou à segunda rodada do quali. Thomaz Bellucci perdeu do norueguês Casper Ruud por 2 sets a 0, com parcais de 7/6 (3) e 7/6 (6), e os jovens Rafael Matos, Natan Rodrigues e Mateus Alves também não avançaram. Além da última rodada do quali, o público que for ao complexo neste domingo terá a oportunidade de assistir uma exibição de duplas mistas, entre Beatriz Haddad Maia/Marcelo Melo e Teliana Pereira/Bruno Soares, por volta das 18h.   Resultados do qualifying: Rogério Dutra Silva (BRA) 2 x 1 Matteo Donati (ITA) - 6/2, 3/6 e 6/1 Casper Ruud (NOR) 2 x 0 Thomaz Bellucci (BRA) - 7/6 (3) e 7/6 (6) Carlos Berlocq (ARG) 2 x 0 Natan Rodrigues (BRA) - 6/3 e 6/1 Pedro Martinez (ESP) 2 x 1 Mateus Alves (BRA) - 6/4, 3/6 e 7/5 Juan Ignacio Londero (ARG) 2 x 0 Alessandro Giannessi (ITA) - 7/6 (3) e 6/1 Hugo Dellien (BOL) 2 x 1 Rafael Matos (BRA) - 6/4, 1/6 e 6/0 Elias Ymer (SUE) 2 x 1 João Domingues (POR) - 3/6, 7/5 e 6/3 Facundo Bagnis (ARG) 2 x 0 Kimmer Coppejans (BEL) - 6/4 e 7/5 Thiago Wild (BRA)/Mateus Alves (BRA) 2 x 0 Nicholas Monroe (EUA)/Miguel Angel Reyes-Varela (MEX) - 6/3 e 7/5 João Sousa (POR)/Cameron Norrie (GBR) 2 x 0 Guido

Continue Reading

 1
O sorteio da chave principal do Rio Open apresentado pela Claro, neste sábado, definiu bons confrontos para a primeira rodada. O argentino Diego Schwartzman, campeão da última edição, e o uruguaio Pablo Cuevas, vencedor em 2016, se enfrentarão na estreia. O austríaco Dominic Thiem, número 8 do mundo e campeão no Rio em 2017, terá pela frente o sérvio Laslo Djere, 91º, e o italiano Fabio Fognini, 15º, encara a jovem promessa canadense Felix Auger-Aliassime,  que recebeu convite da organização. A chave principal do Rio Open começa na segunda-feira, no Jockey Club Brasileiro. A estreia de Thiem e Schwartzman está programada para a sessão noturna da terça.  Os ingressos podem ser adquiridos em tudus.com.br/rioopen . Neste domingo, às 16h, acontece a última rodada do qualifying e também uma exibição de duplas mistas, entre Beatriz Haddad Maia/ Marcelo Melo e Teliana Pereira/Bruno Soares. A entrada é gratuita. O jogo exibição será por volta das 18h, na quadra 1. O Brasil tem dois representantes garantidos na chave principal. O cearense Thiago Monteiro enfrenta o português Pedro Sousa, e Thiago Wild joga contra o japonês Taro Daniel. A última rodada do qualifying neste domingo definirá os últimos quatro classificados para a chave. Monteiro, que recebeu convite da organização, já viveu bons momentos no Rio Open. Alcançou as quartas de final em 2017 e, em 2016, eliminou o francês Jo Wilfried Tsonga, então número 9 do mundo, na primeira rodada. "Conheço bem meu adversário, já treinamos muitas vezes juntos. Ele terminou a temporada passada com títulos em challengers na América do Sul, mas estou confiante. Me sinto muito bem aqui, um dos meus torneios favoritos e conto com o apoio da torcida para fazer uma boa campanha",

Continue Reading

 6
O austríaco Dominic Thiem e o argentino Diego Schwartzman, estrelas da sexta edição do Rio Open apresentado pela Claro, já têm data da estreia no maior torneio de tênis da América do Sul. O vice-campeão de Roland Garros 2018 e o campeão da última edição do Rio Open jogarão na terça-feira, na sessão noturna, na quadra Guga Kuerten, no Jockey Club Brasileiro. Os ingressos podem ser adquiridos em tudus.com.br/rioopen. A chave principal do Rio Open começa na segunda-feira. Thiem, de 25 anos, e atual oitavo do mundo, tem 11 títulos na carreira. Venceu o Rio Open em 2017. No ano passado, conquistou três títulos e perdeu a final de Roland Garros para o espanhol Rafael Nadal. Já Schwartzman foi campeão do Rio Open no ano passado, seu primeiro título de um ATP 500. A chave principal do Rio Open tem outros dois jogadores entre os 25 do mundo: os italianos Fabio Fognini, 15º, e Marco Cecchinato, 18º. O Brasil tem dois tenistas garantidos, o cearense Thiago Monteiro e o jovem paranaense Thiago Wild. O sorteio da chave acontece neste sábado às 18hs.  
 2
  A criançada se divertiu nas quadras do Jockey Club Brasileiro, na manhã deste sábado, no Kid's Day. Assim como acontece em outros grandes torneios internacionais, o Rio Open apresentado pela Claro criou um dia especialmente para incentivar e promover a prática do tênis entre as crianças. Cerca de 100 crianças foram comandadas pelo Diretor de Relações do torneio, Ricardo Acioly, e treinadores da sua equipe, com atividades na quadra, brincadeiras e bate-bola. As crianças fizeram clínica de tênis, tiveram contato com os jogadores Christian Darin, do Chile, e Guido Andreozzi, da Argentina, e se divertiram com personagens de desenhos. "Tivemos boa participação das crianças, um clima ótimo, foi bem divertido. Fizemos atividades lúdicas, com bola, e a garotada teve uma ótima experiência", disse Acioly. "Com a oportunidade que eles têm de jogar nas quadras do torneio, conhecer o complexo, plantamos uma semente para incentivar o tênis, e também despertar o interesse de eles voltarem na semana para assistirem aos jogos".  
 Like
Disputando o Rio Open juntos pela primeira vez desde 2016, os brasileiros Bruno Soares e Marcelo Melo terão pela frente a dupla formada pelo italiano Fabio Fognini e pelo argentino Juan Ignacio Londero na rodada de abertura do torneio de duplas do Rio Open apresentado pela Claro. Melo e Soares tentarão dar ao Brasil seu primeiro título de duplas no torneio que será disputado no Jockey Club Brasileiro a partir desta segunda-feira, 18 de fevereiro. Vice-campeões do Australian Open em 2018 e segunda melhor parceria da última temporada, os colombianos Juan Sebastian Cabal e Robert Farah iniciarão a disputa pelo terceiro título do Rio Open contra os argentinos Guido Pella e Diego Schwartzman, atual campeão de simples no Rio. Já o gaúcho Marcelo Demoliner, que jogará ao lado do dinamarquês Frederik Nielsen, enfrentará o espanhol Marc Lopez, campeão de duplas de Roland Garros em 2016, e Pablo Cuevas, campeão do Grand Slam francês em 2008 (duplas) e do Rio Open em 2016 (simples). Jogando juntos pela primeira vez, o cearense Thiago Monteiro e o carioca Fernando Romboli, em ascensão no circuito de duplas e atual 123ª do ranking, encaram o dueto britânico Luke Bambridge e Jonny O'Mara na rodada de abertura do torneio. Já os paulistas Thomaz Bellucci e Rogério Dutra Silva, que receberam o wild card para disputar o evento no Rio, terão de esperar os jogos do qualifying, que acontecem neste final de semana, para saber os adversários da estreia. Completam ainda a rodada de abertura da chave de duplas do Rio Open os seguintes jogos: Malek Jaziri (TUN) e Leonardo Mayer (ARG) contra Roman Jebavy (CZE) e Andres Molteni (ARG), Marco Cecchinato (ITA) e Duasn Lajovic (SRB) contra Maximo Gonzalez (ARG) e Nicolas Jarry (CHI) e ainda Austin

Continue Reading

 1
Os brasileiros que buscam vaga na chave principal do Rio Open apresentado pela Claro conheceram os adversários deste sábado do qualifying, que começa às 16h, no Jockey Club Brasileiro. A entrada do público é gratuita. Thomaz Bellucci enfrentará o norueguês Casper Ruud, no segundo jogo da quadra central. Será o primeiro duelo entre os dois. Bellucci, que soma quatro títulos na carreira, é o atual 213º do ranking mundial. Ruud, semifinalista do Rio Open em 2017, ocupa a 129ª posição. Na abertura da rodada do quali, às 16h, Rogério Dutra Silva, 138º, terá pela frente o italiano Matteo Donati, 210º. Outros três brasileiros tentam avançar no quali e buscar a vaga no ATP 500. Mateus Alves enfrenta o espanhol Pedro Martinez, às 16h, na quadra 1. Na sequência, o jovem Natan Rodrigues tem pela frente o experiente argentino Carlos Berlocq. Já Rafael Matos pega o boliviano Hugo Dellien no segundo jogo da quadra 2. Em outro jogo, o argentino Juan Ignacio Londero, campeão do ATP de Córdoba, no último domingo, enfrentará o italiano Alessandro Giannessi. Outros dois jogos completam a primeira rodada: Elias Ymer (SUE) x João Domingues (POR) e Lorenzo Sonego (ITA) x Kimmer Coppejans (BEL).
 2
Com sua estreia em 2014, o Rio Open cresce em conteúdo, interatividade, entretenimento e tecnologia a cada ano, valorizando cada vez mais o serviço olímpico denominado Sport Presentation! Seguindo o conceito de Fan Experience, Sport Presentation transforma o evento em uma experiência única e inesquecível! Informar, educar, entreter e engajar o público, os atletas e os patrocinadores através de ações criadas dentro de um estudo demográfico dos espectadores, do Rio de Janeiro e do tênis. Em 2019, com o objetivo de inovar no entretenimento e na tecnologia a IMM em parceria com a SP2 Brazil, traz ações para aproximar cada vez mais o público do evento, fazendo com que cada espectador se sinta uma parte ativa do torneio. As inovações começam na Praça Rio Open, onde tecnologias desenvolvidas em exclusividade para o Rio Open, trarão interatividade entre espectadores e máquina. Aplicativos, jogos, câmeras remotas e outras inovações, estabelecerão uma comunicação direta entre os participantes, os espectadores do torneio e o próprio telão. Este será uma das estrelas desta edição; ele ganhará vida própria e se comunicará com quem estiver passando na Praça, conversando e projetando ao vivo a dinâmica das ações. Tudo isso ainda aproximará a parte esportiva do torneio - que acontece nas quadras -, da parte cultural do evento, criando assim um ambiente cheio de experiências. As maiores inovações serão o MATCH POINT, um jogo interativo que transforma o torcedor em atleta finalista do Rio Open; o CHALLENGE OPEN, um desafio que contará com a participação do telão externo e poderá dar prêmios incríveis para torcedores corajosos; e o TORCIDÔMETRO, que medirá a torcida de cada tenista, a partir das quartas de final. Já na Quadra Guga Kuerten,

Continue Reading

 Like
A disputa pelas últimas quatro vagas na chave principal do Rio Open apresentado pela Claro começa neste sábado, às 16h, nas quadras do Jockey Club Brasileiro. O torneio qualifying tem entrada gratuita para o público e terá nomes como dos brasileiros Thomaz Bellucci e Rogério Dutra Silva, e jovens como o norueguês Casper Ruud e o sueco Elias Ymer. Os ingressos para assistir aos jogos da chave principal do maior torneio de tênis da América do Sul podem ser adquiridos em tudus.com.br/rioopen com preços a partir de R$ 30. O Brasil já tem dois representantes na chave principal: Thiago Monteiro, número um do Brasil, e Thiago Wild, campeão da Maria Esther Bueno Cup. A sexta edição do Rio Open terá um line-up com quatro tenistas top 25 do mundo: o austríaco Dominic Thiem (8º no ranking da ATP), os italianos Fabio Fognini (15º) e Marco Cecchinato (18º), e o argentino Diego Schwartzman (19º). A chave de duplas tem confirmada as presenças de Marcelo Melo e Bruno Soares, que jogarão juntos em busca do inédito título no ATP 500 brasileiro. Além de Bellucci e Rogerinho, mais três brasileiros terão a chance de buscar vaga no Rio Open. Os jovens Rafael Matos, 23 anos, Mateus Alves, de 18, e Natan Rodrigues, de 17, receberam convite da organização para jogar o quali. Mateus e Natan são do Time Guga, equipe de tenistas promissores apoiada pelo ex-número 1 do mundo. O brasiliense Gilbert Klier Jr. tinha ganho convite também, mas sentiu uma lesão e não poderá disputar a competição. Para avançar à chave principal, o jogador precisa vencer duas partidas. No domingo, além da definição dos classificados, o público que for ao Jockey terá a oportunidade

Continue Reading

 2